Gerenciar um canteiro de obras nunca foi tarefa fácil. Desde os tempos antigos, a arte da construção tem definido processos e, sempre conta com pessoas que assumem a responsabilidade para que tudo flua de forma organizada, de modo a alcançar os prazos estipulados. 

No antigo Egito, as construções das pirâmides e dos palácios reais demoravam décadas, e contavam com milhares de trabalhadores, escravos ou assalariados, para concluí-las. 

Pense então na dificuldade dos gestores para mitigar os riscos e gerir aquela multidão.

Hoje em dia as coisas mudaram, e mudaram para melhor. A tecnologia proporciona cada vez mais possibilidades, aumenta a velocidade e reduz muito o custo de produção.

Porém, ainda há muita gente trabalhando como há 5.000 anos atrás, correndo riscos, fazendo um trabalho “meia boca” e empurrando a obra com a “barriga”.

Neste post, nós vamos falar de de 7 invenções que fizeram o canteiro de obras ganhar velocidade e reduzir custos. Será que você utiliza alguma delas? “Bora” ver?

 

1 – Softwares de Gestão

Resultado de imagem para libreproject

Diferente do que todo leigo consegue enxergar, uma obra não começa com a preparação do terreno e a instalação do canteiro de obras.

Muito antes disso acontecer, uma equipe de profissionais precisou quebrar bastante a cabeça para saber se aquele projeto é viável ou não.

Antes, todo esse trabalho tinha que ser feito à mão. Esse processo manual era demorado e não garantia que o projeto estivesse cem por cento adequado.

Com a chegada do mundo digital, tudo isso mudou. Desde planilhas do Excel, até a produção em softwares de resolução 3D de última geração, a elaboração dos projetos são realizadas com uma exatidão nuca vista antes.

Programas de gerenciamento de tempo e tarefas também são fundamentais, como os que geram gráficos de Gant e permitem a organização de alocação de tarefas e recursos humanos.

Se você quiser experimentar um desses softwares na sua próxima obra, indicamos o Libre Project, ele se parece muito com o Micro Software Project, mas é gratuito, é só instalar no seu PC e usar à vontade para gerenciar seu canteiro de obras.

2 – Tijolos Inteligentes

Resultado de imagem para tijolos inteligentes

Tijolos inteligentes são blocos com encaixes que possuem adesivos auto colantes. Os artefatos inspirados no famoso brinquedo Lego, são feitos especialmente para a construção de imóveis residenciais.

Os tijolos mega inovadores têm se mostrado uma tendência na construção, devido sua praticidade e facilidade de assentamento. 

Além disso, os blocos inteligentes possuem perfurações próprias que permitem a passagem de canos e fios, para instalações elétricas e hidráulicas sem dificuldades. 

Em relação ao custo, cálculos dizem que os tijolos inteligentes chegam a ser 40% mais baratos que os produtos tradicionais. 

Essa redução acontece principalmente em função da forma como os blocos se encaixam, minimizando a necessidade do uso de cimento e ferro, em pilares e fundações. 

3 – Caminhos plásticos

Resultado de imagem para Caminhos platicos construção civil

Formalmente conhecidos como “caminhos plásticos de serviço de alta densidade para obras”, são construídos de resinas plásticas de alta densidade. 

Podem ser utilizados com a função de base de plataforma para guindaste e na montagem de torres de energia eólica ou linhas de transmissão de eletricidade.

Os caminhos plásticos também têm aplicação na ampliação de pavimentos já existentes, assim como no aumento do espaço de armazenamento. Já ouviu falar nisso? 

A ideia parece boa e muita gente tem apostado nos Caminhos Plásticos para reduzirem custos.

4 – Bioconcreto

Resultado de imagem para bio concreto

A solução para a auto regeneração do concreto veio diretamente da biologia, mais precisamente do estudo das bactérias. 

A ideia era utilizar microrganismos dormentes que fossem capaz de sobreviver a um ambiente de alto pH (como é o concreto).

As bactérias são ativadas quando detectam a presença da umidade no ambiente. Isso ocorre justamente em uma situação de fissuras ou rachaduras, que permite a entrada de água na estrutura.

O bioconcreto associa à mistura tradicional do concreto uma bactéria (Bacillus pseudofirmus). 

Esse microrganismo é capaz de se multiplicar quando exposto à umidade e ao oxigênio, como nas condições observadas em uma rachadura.

Desse modo, ao se multiplicar, as bactérias liberam calcário no ambiente. Esse calcário é que regenera as trincas onde se reproduzem. 

O seu criador, o holandês Henk Jonkers, recebeu o prêmio de melhor inventor europeu em 2015.

A vida útil de 200 anos da bactéria é uma grande vantagem competitiva, já que reduz drasticamente os valores de manutenção. 

Há um largo potencial sustentável, já que 7% das emissões de dióxido de carbono no mundo são causadas pela fabricação de cimento. Com um material que se auto regenera, parte dessa produção seria reduzida.

5 – Impressoras 3D

Resultado de imagem para impressora 3d

As impressoras 3D chegaram ao segmento da construção civil: são de capazes construir ruas e casas com inúmeras vantagens. 

Para começar, o tempo consumido na obra pode ser reduzido em até 10 vezes, facilitando o cumprimento do cronograma da obra.

Outro importante benefício de sua utilização é a economia de material, uma vez que praticamente não há perdas. 

A construção envolve um processo aditivo por meio da aplicação de sucessivas camadas do material estrutural utilizado (uma combinação de cimento e fibra de vidro).

Mas no caso das impressoras 3D, nem tudo são flores. Apesar de todos os benefícios que já falamos, há também alguns limitadores para o uso dessa tecnologia.

Por um capricho de contradição, o maior entrave do uso da impressão 3D na construção é justamente o principal intuito da sua criação: velocidade no processo.

Embora tenha evoluído expressivamente nesse quesito nos últimos anos, a logística, instalação e manutenção de uma impressora tridimensional no canteiro de obras, ainda exige um forte investimento em estrutura de apoio, treinamento de mão de obra e principalmente estudo para seu transporte e armazenamento, o que inviabiliza sua utilização efetiva.

Há também a limitação de altura dos empreendimentos e a necessidade de equipe de apoio para instalação de portas, janelas e os elementos dos projetos de instalações, como eletrodutos e tubulações, uma vez que as impressoras tridimensionais imprimem a estrutura com aberturas, mas ainda não imprimem os demais componentes.

6 – Asfalto permeável

7 Benefícios que a tecnologia trouxe para o Canteiro de Obras 2

Quem não gostaria de passar pelos períodos de chuva, sem aqueles alagamentos que causam tantos prejuízos em vários lugares do Brasil? Esse ano de 2020 aqui em Belo Horizonte e em São Paulo, foram inúmeros os caos de alagamentos pela cidade. 

O asfalto permeável promete resolver este problema, eliminando a impermeabilização do asfalto tradicional, responsável em grande parte pelas enchentes nas grandes cidades.

A principal característica desse produto é a alta permeabilidade; isto é, ele permite que as águas de chuva atravessem o piso asfáltico, reduzindo o escoamento superficial e sua acumulação nas ruas, avenidas e pátios.

O asfalto permeável possui uma composição parecida com a do convencional, também sendo derivado do petróleo, a grande diferença entre ele é que o permeável (também chamado de asfalto poroso) possui espaços vazios em sua estrutura, esses espaços vazios permitem que a água o atravesse.

O sistema consiste basicamente de uma camada desse revestimento asfáltico poroso, abaixo dele uma grossa camada de um material que possui uma alta porosidade como brita fina. 

Também é colocado um tipo de cano perfurado para que a água que infiltra pelas camadas entre nesse duto e seja direcionada para o local desejado, que pode ser um curso de água natural (o mais comum) ou mesmo para centrais de armazenamento.

7 – Robô de Obra

7 Benefícios que a tecnologia trouxe para o Canteiro de Obras 3

Quase todo mundo, quando ouve falar em um Robô de Obra pensa imediatamente em um androide com formato humano, assentando tijolos em alta velocidade, ou levantando peso sem nenhum esforço. Não é nada disso! 

Robôs de Obra são, na prática, uma invenção bastante simples, mas essencial para a produtividade e segurança do seu canteiro. 

Também chamado de Quadro de Tomadas, o produto elimina um dos passos iniciais no processo de instalação do Canteiro de Obras, a instalação inicial da distribuição elétrica. 

Isso parece um passo simples, mas há obras que podem parar por horas, simplesmente devido a um curto-circuito ocorrido nas instalações mal feitas. 

Isso, quando algo pior não acontece, e o problema elétrico evolui para um incêndio. Aí a situação fica realmente crítica. 

Os Quadros Elétricos eliminam a necessidade de um profissional eletricista para montar a distribuição de canais inputs e  outputs das redes de energia em um canteiro de obras. 

Quadros de Tomadas são seguros, com o manual de instruções, qualquer pessoa pode instalar, e assim, seu eletricista pode se preocupar com outros serviços.

Gostou da nossa seleção das 7 tecnologias indispensáveis para a sua obra? Nós também curtimos muito escrever para você. 

Claro que, encontrar cada uma das tecnologias acima não é fácil, mas se o que você precisa é de mais segurança e velocidade na instalação do seu canteiro de obras. 

Nós da RST Equipamentos Elétricos somos pioneiros na produção de Quadro de Tomadas no Brasil. 

Isso mesmo! Temos o orgulho de termos sido os primeiros a desenvolver este produto. 

Encontrarmos vários concorrentes no mercado que agora fabricam produtos similares aos nossos, só mostra que nosso esforço e dedicação trouxe uma solução realmente importante para o mercado da construção civil. 

Quer saber mais sobre como os nossos Quadros de Tomadas poderiam ajudar sua obra a ganhar mais versatilidade e segurança? 

Então deixe seu comentário, ou chame a Geovana aqui no nosso site. Teremos prazer em conversar com você.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.